Reprodução: Teclando Web Em cerimônia presidida na manhã desta terça=feira (14), pelo Comandante da Marinha, Almirante de Esquadra Almir Garnier Santos, o Almirante de Esquadra Marcos Silva Rodrigues realizou a transmissão do cargo que ocupava como Chefe do Estado-Maior da Armada (CEMA) ao Almirante de Esquadra, Renato Rodrigues de Aguiar Freire. A solenidade se deu na sede do Clube Naval de Brasília e contou com o prestígio da Nuclebrás Equipamentos Pesados S.A (NUCLEP), representada pelo seu presidente, Contra-Almirante (RM1) Carlos Henrique Silva Seixas; e pelos Gerentes Gerais de Recursos CMG (RM1) Álvaro Jose da Fonseca Costa, e de Planejamento e Finanças, CMG (RM1-IM) Genildo Rodrigues de Araújo. Em sua Ordem do Dia de Assunção de cargo, o novo CEMA, AE Aguiar Freire exaltou as conquistas de seu antecessor e ressaltou que todos os esforços serão realizados para o cumprimento da missão do Estado-Maior da Armada. Estiveram também presentes ao evento Ministros de Estado, Parlamentares e representantes do Executivo, Legislativo e Judiciário e demais integrantes da turma Marins e Barros. O presidente da NUCLEP, CA (RM1) Seixas, enalteceu a nomeação do novo CEMA, ao passo que destacou a brilhante trajetória do AE Silva Rodrigues no Comando do Estado- Maior da Armada. “Ao querido amigo, AE Aguiar Freire, registro o desejo de muito sucesso, bons ventos e mares tranquilos nessa nova e tão nobre missão”, disse.
Reprodução: Manezinho News Em cerimônia presidida na manhã desta terça=feira (14), pelo Comandante da Marinha, Almirante de Esquadra Almir Garnier Santos, o Almirante de Esquadra Marcos Silva Rodrigues realizou a transmissão do cargo que ocupava como Chefe do Estado-Maior da Armada (CEMA) ao Almirante de Esquadra, Renato Rodrigues de Aguiar Freire. A solenidade se deu na sede do Clube Naval de Brasília e contou com o prestígio da Nuclebrás Equipamentos Pesados S.A (NUCLEP), representada pelo seu presidente, Contra-Almirante (RM1) Carlos Henrique Silva Seixas; e pelos Gerentes Gerais de Recursos CMG (RM1) Álvaro Jose da Fonseca Costa, e de Planejamento e Finanças, CMG (RM1-IM) Genildo Rodrigues de Araújo.Em sua Ordem do Dia de Assunção de cargo, o novo CEMA, AE Aguiar Freire exaltou as conquistas de seu antecessor e ressaltou que todos os esforços serão realizados para o cumprimento da missão do Estado-Maior da Armada.Estiveram também presentes ao evento Ministros de Estado, Parlamentares e representantes do Executivo, Legislativo e Judiciário e demais integrantes da turma Marins e Barros. O presidente da NUCLEP, CA (RM1) Seixas, enalteceu a nomeação do novo CEMA, ao passo que destacou a brilhante trajetória do AE Silva Rodrigues no Comando do Estado- Maior da Armada. “Ao querido amigo, AE Aguiar Freire, registro o desejo de muito sucesso, bons ventos e mares tranquilos nessa nova e tão nobre missão”, disse.
Reprodução: Jbn Bahia  Em cerimônia presidida na manhã desta terça=feira (14), pelo Comandante da Marinha, Almirante de Esquadra Almir Garnier Santos, o Almirante de Esquadra Marcos Silva Rodrigues realizou a transmissão do cargo que ocupava como Chefe do Estado-Maior da Armada (CEMA) ao Almirante de Esquadra, Renato Rodrigues de Aguiar Freire. A solenidade se deu na sede do Clube Naval de Brasília e contou com o prestígio da Nuclebrás Equipamentos Pesados S.A (NUCLEP), representada pelo seu presidente, Contra-Almirante (RM1) Carlos Henrique Silva Seixas; e pelos Gerentes Gerais de Recursos CMG (RM1) Álvaro Jose da Fonseca Costa, e de Planejamento e Finanças, CMG (RM1-IM) Genildo Rodrigues de Araújo. Em sua Ordem do Dia de Assunção de cargo, o novo CEMA, AE Aguiar Freire exaltou as conquistas de seu antecessor e ressaltou que todos os esforços serão realizados para o cumprimento da missão do Estado-Maior da Armada.Estiveram também presentes ao evento Ministros de Estado, Parlamentares e representantes do Executivo, Legislativo e Judiciário e demais integrantes da turma Marins e Barros. O presidente da NUCLEP, CA (RM1) Seixas, enalteceu a nomeação do novo CEMA, ao passo que destacou a brilhante trajetória do AE Silva Rodrigues no Comando do Estado- Maior da Armada. “Ao querido amigo, AE Aguiar Freire, registro o desejo de muito sucesso, bons ventos e mares tranquilos nessa nova e tão nobre missão”, disse.
Reprodução: Gazeta da Semana Em cerimônia presidida na manhã desta terça=feira (14), pelo Comandante da Marinha, Almirante de Esquadra Almir Garnier Santos, o Almirante de Esquadra Marcos Silva Rodrigues realizou a transmissão do cargo que ocupava como Chefe do Estado-Maior da Armada (CEMA) ao Almirante de Esquadra, Renato Rodrigues de Aguiar Freire. A solenidade se deu na sede do Clube Naval de Brasília e contou com o prestígio da Nuclebrás Equipamentos Pesados S.A (NUCLEP), representada pelo seu presidente, Contra-Almirante (RM1) Carlos Henrique Silva Seixas; e pelos Gerentes Gerais de Recursos CMG (RM1) Álvaro Jose da Fonseca Costa, e de Planejamento e Finanças, CMG (RM1-IM) Genildo Rodrigues de Araújo. Em sua Ordem do Dia de Assunção de cargo, o novo CEMA, AE Aguiar Freire exaltou as conquistas de seu antecessor e ressaltou que todos os esforços serão realizados para o cumprimento da missão do Estado-Maior da Armada. Estiveram também presentes ao evento Ministros de Estado, Parlamentares e representantes do Executivo, Legislativo e Judiciário e demais integrantes da turma Marins e Barros. O presidente da NUCLEP, CA (RM1) Seixas, enalteceu a nomeação do novo CEMA, ao passo que destacou a brilhante trajetória do AE Silva Rodrigues no Comando do Estado- Maior da Armada. “Ao querido amigo, AE Aguiar Freire, registro o desejo de muito sucesso, bons ventos e mares tranquilos nessa nova e tão nobre missão”, disse.  
Reprodução: Jornal dos Municípios Em cerimônia presidida na manhã de hoje (14), pelo Comandante da Marinha, Almirante de Esquadra Almir Garnier Santos, o Almirante de Esquadra Marcos Silva Rodrigues realizou a transmissão do cargo que ocupava como Chefe do Estado-Maior da Armada (CEMA) ao Almirante de Esquadra, Renato Rodrigues de Aguiar Freire. A solenidade, se deu na sede do Clube Naval de Brasília e contou com o prestígio da Nuclebrás Equipamentos Pesados S.A (NUCLEP), representada pelo seu presidente, Contra-Almirante (RM1) Carlos Henrique Silva Seixas; e pelos Gerentes Gerais de Recursos CMG (RM1) Alvaro Jose da Fonseca Costa, e de Planejamento e Finanças, CMG (RM1-IM) Genildo Rodrigues de Araujo. Em sua Ordem do Dia de Assunção de cargo, o novo CEMA, AE Aguiar Freire exaltou as conquistas de seu antecessor e ressaltou que todos os esforços serão realizados para o cumprimento da missão do Estado-Maior da Armada. Estiveram também presentes ao evento Ministros de Estado, Parlamentares e representantes do Executivo, Legislativo e Judiciário e demais integrantes da turma Marins e Barros. O presidente da NUCLEP, CA (RM1) Seixas, enalteceu a nomeação do novo CEMA, ao passo que destacou a brilhante trajetória do AE Silva Rodrigues no Comando do Estado- Maior da Armada. “Ao querido amigo, AE Aguiar Freire, registro o desejo de muito sucesso, bons ventos e mares tranquilos nessa nova e tão nobre missão”, disse.
Reprodução: Associação Brasileira de Energia Nuclear (ABEN) (02/12/21) A aprovação da PEC 517, da Câmara dos Deputados, realizada ontem (01/12/21), permitindo a produção de radioisótopos (substância radioativa que serve de base para a fabricação de radiofármacos) por empresas privadas, foi um dos temas da palestra Multipurpose Research Reactor - Past, Presente and Future, do coordenador técnico do Reator Multipropósito Brasileiro (RMB), José Augusto Perrotta, dentro do programa da Internacional Nuclear Atlantic Conference (INAC) 2021, promovida pela Associação Brasileira de Energia Nuclear (Aben). A proposta era promover a flexibilização do monopólio da União na fabricação de radiofármacos (medicamentos compostos por substâncias radioativas, usadas para diagnóstico e tratamento de doenças, em especial, diferentes tipos de câncer). "Para produzir radioisótopos é necessário um reator de pesquisa e o setor privado precisará continuar a importar os insumos. Logo, mesmo com a PEC aprovada, o RMB continua fundamental" - falou Perrotta. O que justifica viabilizar esse empreendimento da ordem de U$ 500 milhões? * ser o principal empreendimento de base científica e tecnológica da área nuclear do País e permitir dobrar imediatamente o número de procedimentos anuais realizados em medicina nuclear; * garantir a estabilidade no fornecimento de radioisótopos; * contribuir para ampliação do número de clínicas e hospitais que oferecem serviços de medicina nuclear; * e promover economia de mais de U$15 milhões/ano com custos de importação de insumos. Hoje, o Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares - IPEN/CNEN-SP produz mais de 30 diferentes tipos de radiofármacos. Cerca de 2 milhões de procedimentos são…
Reprodução: Associação Brasileira de Energia Nuclear (ABEN) (08/11/21) O presidente da Nuclebrás Equipamentos Pesados S.A. (Nuclep), CA (RM1) Carlos Henrique Silva Seixas, e o gerente geral de Fabricação e Supervisão Nível III, Cezar França, participaram na última quinta-feira, dia 4, na Ilha Fiscal, no Rio de Janeiro, da cerimônia de entrega do Prêmio Honra ao Mérito Nuclear, promovido anualmente pela Associação Brasileira para o Desenvolvimento de Atividades Nucleares (Abdan). Cezar foi indicado pelo presidente da Nuclep, por sua dedicação e trabalho junto à empresa para o desenvolvimento do setor. O engenheiro é o único no Brasil certificado pela Sociedade Americana de Engenheiros Mecânicos como Nível III em Ensaios Não Destrutivos para construção, manutenção e recuperação de alguns dos equipamentos nucleares mais importantes e estratégicos às nossas usinas. "Foi uma honra eu ter sido premiado. Eu não esperava. Me dedico à área há mais de quarenta anos e posso dizer que eu tenho uma experiência ímpar no segmento nuclear no Brasil. No meu currículo tem os principais componentes fabricados pela Nuclep. Consigo lembrar cada equipamento e componente que conseguimos entregar aos nossos clientes. Cada equipamento é algo novo, um desafio. São totalmente diferentes, desde componentes de usinas nucleares a cascos de submarinos. Agradeço muito ao presidente CA (RM1) Seixas pelo reconhecimento. Essa medalha consolida toda minha paixão e dedicação à Nuclep e ao setor nuclear do Brasil", disse Cezar. Ao todo, foram homenageadas cinco importantes personalidades da indústria, por suas contribuições ao desenvolvimento e expansão da tecnologia nuclear no país: AE…
Reprodução: Mundo Latino Em cerimônia presidida na manhã desta terça-feira (14), pelo Comandante da Marinha, Almirante de Esquadra Almir Garnier Santos, o Almirante de Esquadra Marcos Silva Rodrigues realizou a transmissão do cargo que ocupava como Chefe do Estado-Maior da Armada (CEMA) ao Almirante de Esquadra, Renato Rodrigues de Aguiar Freire. A solenidade, se deu na sede do Clube Naval de Brasília e contou com o prestígio da Nuclebrás Equipamentos Pesados S.A (NUCLEP), representada pelo seu presidente, Contra-Almirante (RM1) Carlos Henrique Silva Seixas; e pelos Gerentes Gerais de Recursos CMG (RM1) Álvaro Jose da Fonseca Costa, e de Planejamento e Finanças, CMG (RM1-IM) Genildo Rodrigues de Araújo. Em sua Ordem do dia de assunção de cargo, o novo CEMA AE Aguiar Freire exaltou as conquistas de seu antecessor e ressaltou que todos os esforços serão realizados para o cumprimento da missão do Estado-Maior da Armada. Estiveram também presentes ao evento Ministros de Estado, Parlamentares e representantes do Executivo, Legislativo e Judiciário e demais integrantes da turma Marins e Barros. O presidente da NUCLEP, CA (RM1) Seixas, enalteceu a nomeação do novo CEMA, ao passo que destacou a brilhante trajetória do AE Silva Rodrigues no Comando do Estado- Maior da Armada. “Ao querido amigo, AE Aguiar Freire, registro o desejo de muito sucesso, bons ventos e mares tranquilos nessa nova e tão nobre missão”, disse.
Reprodução: Defesa Aérea e Naval Na última quinta-feira (9), a NUCLEP recebeu a empresa norte-americana SparkCognition, que atua na área de inteligência artificial e visa implementar no Brasil estratégias voltadas para petróleo e gás, energia, mineração, finanças e muito mais. Estiveram presentes, representando a empresa, o Country Manager do Brasil, Elias Cromwell, o Diretor de Contas Estratégicas, Aaron White, o Diretor Data-Cientist, Carlos Paiva e o Gerente Geral no Brasil, Marcio André Moraes de Paiva. Eles foram recebidos pelo presidente C.A (RM1) Carlos Henrique Seixas, pelos diretores C.A (RM1) Oscar Moreira da Silva Filho e CMG/EN Alexandre Magalhães e também pelo Assessor de Assuntos Corporativos, Jacson Fialho. Durante a manhã, os representantes da SparkCognition estiveram em uma reunião e conheceram as instalações fabris da NUCLEP. “Para mim é um orgulho ser brasileiro e ter visitado a NUCLEP. Trouxe um colega americano, que já repassou para mim que ele jamais imaginava que o Brasil tivesse esse padrão de tecnologia e comprometimento com o trabalho. Então, parabéns para vocês e obrigada por terem nos recebido”, disse o Country Manager do Brasil, Elias Cromwell. “Novas tecnologias podem abrir caminhos para um trabalho mais eficiente. Este contato com conceitos de inteligência artificial foi muito interessante e se mostra muito promissor no que concerne a redução de custos, manutenção preventiva e prevenção de retrabalho”, disse o Assessor de Assuntos Corporativos, Jacson Fialho.
Reprodução: DefesaNet O presidente da NUCLEP, CA (RM1) Carlos Henrique Silva Seixas e o diretor Administrativo da empresa, CA (RM1) Oscar Moreira da Silva Filho, participaram hoje (7), em Brasília, da abertura da 6ª Mostra BID Brasil. Além de receberem no estande da NUCLEP, a visita ilustre do Comandante da Marinha do Brasil, AE Almir Garnier Santos, os Contra-Almirantes prestigiaram a exposição da MB, da Amazônia Azul Tecnologias de Defesa (Amazul), dentre outras. “A nossa presença em um dos mais importantes eventos de Defesa e Segurança do país, ratifica a importância da NUCLEP como Empresa Estratégica de Defesa Nacional, seu papel fundamental para o Programa de Submarinos da Marinha e, principalmente, na construção do primeiro Submarino de Propulsão Nuclear do Brasil”, afirmou o presidente, CA(RM1) Seixas.