Quarta, 15 Dezembro 2021 16:22

ÚNICO ENGENHEIRO CERTIFICADO DE ACORDO COM O CÓDIGO ASME III NO PAÍS, GERENTE DE NUCLEP CEZAR FRANÇA RECEBEU O PRÊMIO HONRA AO MÉRITO NUCLEAR

Reprodução: Associação Brasileira de Energia Nuclear (ABEN)

(08/11/21) O presidente da Nuclebrás Equipamentos Pesados S.A. (Nuclep), CA (RM1) Carlos Henrique Silva Seixas, e o gerente geral de Fabricação e Supervisão Nível III, Cezar França, participaram na última quinta-feira, dia 4, na Ilha Fiscal, no Rio de Janeiro, da cerimônia de entrega do Prêmio Honra ao Mérito Nuclear, promovido anualmente pela Associação Brasileira para o Desenvolvimento de Atividades Nucleares (Abdan).

Cezar foi indicado pelo presidente da Nuclep, por sua dedicação e trabalho junto à empresa para o desenvolvimento do setor. O engenheiro é o único no Brasil certificado pela Sociedade Americana de Engenheiros Mecânicos como Nível III em Ensaios Não Destrutivos para construção, manutenção e recuperação de alguns dos equipamentos nucleares mais importantes e estratégicos às nossas usinas.

"Foi uma honra eu ter sido premiado. Eu não esperava. Me dedico à área há mais de quarenta anos e posso dizer que eu tenho uma experiência ímpar no segmento nuclear no Brasil. No meu currículo tem os principais componentes fabricados pela Nuclep. Consigo lembrar cada equipamento e componente que conseguimos entregar aos nossos clientes. Cada equipamento é algo novo, um desafio. São totalmente diferentes, desde componentes de usinas nucleares a cascos de submarinos. Agradeço muito ao presidente CA (RM1) Seixas pelo reconhecimento. Essa medalha consolida toda minha paixão e dedicação à Nuclep e ao setor nuclear do Brasil", disse Cezar.

Ao todo, foram homenageadas cinco importantes personalidades da indústria, por suas contribuições ao desenvolvimento e expansão da tecnologia nuclear no país:

AE Marcos Sampaio Olsen, diretor-geral de Desenvolvimento Nuclear e Tecnológico da Marinha; o assessor especial do Ministério de Minas e Energia, Ney Zanella, referência nas pautas relacionadas à tecnologia nuclear no Brasil; o presidente da Anvisa, Antônio Barra Torres, pelos recentes avanços da agência para o registro de radiofármacos no Brasil; o diretor de Radioproteção e Segurança Nuclear (DRS) da CNEN, Ricardo Guterres, pelo trabalho da diretoria que permitiram efeitos positivos imediatos para o setor.

O presidente da Nuclep enalteceu a indicação do seu funcionário à medalha. "Cezar é parte da nossa história. É um digno representante da Nuclep, empresa para qual se dedica há 40 anos de forma atuante e diferenciada. Para nós, é um orgulho afirmar que o único engenheiro Asme III do Brasil é um nuclepiano. Essa homenagem e indicação é resultado do seu desempenho, dedicação e consequente qualificação. Que essa premiação mostre a todos os nossos profissionais que, como Cezar também se dedicam há anos para o sucesso da empresa, de que é possível sim, sermos cada dia um pouco melhor. Parabéns Cezar, a Nuclep se orgulha da sua trajetória", finalizou o CA (RM1) Seixas.

O ministro de Minas e Energia, AE (RM1) Bento Albuquerque, abriu o evento com uma mensagem em vídeo, onde além de parabenizar a Abdan por sua contribuição ao desenvolvimento e divulgação do setor nuclear nacional, anunciou que já está prevista a implantação de uma nova usina nuclear no Brasil. Para isso, o MME, a EPE e o Cepel já deram início aos estudos complementares para localização de novos sítios nucleares no Brasil.