O presidente da NUCLEP, C.Alte (RM1) Carlos Henrique Silva Seixas, recebeu na última sexta-feira (31), uma Comitiva de Autoridades do Programa de Desenvolvimento de Submarinos da Marinha do Brasil (PROSUB), liderada pelo Vice-Almirante Noriaki Waga, diretor do Centro Tecnológico da Marinha em São Paulo (CTMSP), onde está sendo construído o LABGENE – parte essencial do Programa Nuclear da Marinha (PNM) – protótipo da planta nuclear do futuro e primeiro submarino com propulsão nuclear brasileiro. para o qual a NUCLEP constrói com sua expertise Nuclear e de Defesa, o seu reator. Faziam parte ainda da Comitiva da Marinha do Brasil, o C.Alte (EN) Koga – Gerente do Empreendimento Modular de Obtenção dos Submarinos; o CMG (EN) Westphalen – Coordenador de Obtenção dos Submarinos Convencionais e com Propulsão Nuclear; e o CMG Ricardo – Assessor de Inteligência da COGESN. Além das autoridades navais, estiveram pela primeira vez no piso fabril da NUCLEP, o Advogado Geral da União - AGU/SJU-SP, Dr. Carlos Freire Longato, e sua cônjuge, Dra. Maria Harumi Eguchi. Ao entrar na fábrica ambos não esconderam o entusiamo: “Essa é a minha primeira visita à NUCLEP, e de todas as fábricas que já visitei, essa tem o maior potencial. Interessante demais conhecer toda essa estrutura”, disse Dr. Longato. Já para Dra. Harumi Eguchi, o que mais impressionou foi a capacidade tecnológica e grandeza da empresa: “Superou minhas expectativas!”, disse. A Comitiva formada também por convidadas e cônjuges do VA Noriaki, Sra. Marcelina Wada, e do presidente da NUCLEP, C.Alte (RM1) Seixas,…
Nossa Gerência Geral de SMS não para nas ações de combate e prevenção à Covid-19! Sob o comando do Gerente Geral de SMS, CMG, Dr. Álvaro Camelier, e equipe, a NUCLEP iniciou hoje maIs uma iniciativa de Sanitização no enfrentamento ao Covid -19, com o objetivo  de manter o nosso ambiente laboral ainda mais seguro.
Preocupados com a redução de impactos ambientais e a destinação final de resíduos, a NUCLEP recebeu essa semana (5/7), a visita da Adesso Participações LTDA, empresa responsável por desenvolver tecnologias voltadas para soluções no setor, como Plasma Térmico, Eletrocoagulação Eletrônica e Smartboia. Recebida pelos diretores Administrativo, C.Alte. Oscar Moreira da Silva Filho, Comercial, Nicola Mirto Neto, pelo Gerente Geral de SMS, CMG (RM1), Dr. Álvaro Camelier, pelo Assessor e Engenheiro, Cezar França, e pela Gerente de Meio Ambiente, Viviane Montebello, a comitiva da Adesso conheceu a Estação de Tratamento da NUCLEP, para avaliar a possibilidade de otimização da mesma. “A visita foi importante para mostrar o portfólio com nova tecnologia para tratamento de resíduos, tratamento de esgotos e sistema de monitoramento e rastreabilidade de vazamentos de Hidrocarbonetos. É importante conhecermos o mercado e as novas tecnologias existentes para contratações mais eficazes.”, comentou a Gerente de Meio Ambiente, Viviane Montebello. A comitiva da ADESSO, formada pelos representantes Lindolff Thadeu Carneiro; Armando Marques Terra Passos e Alex Pereira Riski, se surpreendeu com a capacidade e grandeza do piso fabril da NUCLEP. "Estou muito surpreso, o governo tem que valorizar e divulgar a NUCLEP, mostrar que essa qualidade e capacidade são do Brasil.”, comentou Alex Riski.
Reprodução: Defesa Aérea & Naval   A NUCLEP, representada pelos seus diretores Administrativo, C.Alte (RM-1) Oscar Moreira da Silva Filho, Comercial, Nicola Mirto, e Industrial, CMG (EN) Affonso Alves, recebeu nessa terça-feira (6), a visita de uma comitiva da Von Suckow Tactical Brasil Industria S.A. – VSK Tactical, empresa responsável por desenvolver e fornecer novas soluções e tecnologias para os setores de defesa e segurança. A comitiva, formada pelos CEO, Marcellus Ferreira, e sócia, Juliana Lacerda, apresentou à NUCLEP a “VSK Protector Plus”, uma tecnologia inédita no Brasil capaz de oferecer proteção contra explosões, cortes por uso de ferramentas abrasivas e fogo, assistiu uma apresentação da diretoria Industrial da empresa e na sequência, seguiu para conhecer as dependências do piso fabril. O presidente da NUCLEP, C.Alte (RM1) Carlos Henrique Silva Seixas, afirmou que visitas como a da VLK ratificam a relevância da capacidade e experiência da NUCLEP para o desenvolvimento desse mercado. “Somos referência às empresas que buscam parcerias na área”, disse. “A visita mal começou e já identificamos vários pontos compatíveis aos nossos interesses. A empresa tem capacidade de fabricação e um alto nível de engenharia”, comentou o CEO da VSK, Marcellus Ferreira. Segundo o diretor Administrativo, C.Alte (RM1) Oscar Moreira da Silva Filho, a NUCLEP tem sido procurada por diferentes segmentos da indústria mesmo no período da pandemia. “Somos essenciais mas definitivamente, diferenciados. A nossa mão de obra qualificada e expertise tecnológica aliadas à capacidade fabril e qualidade corroboram nossa importância na contribuição à qualquer grande projeto. Temos…
Reprodução: Petronotícias   A NUCLEP recebeu a visita de uma comitiva da Von Suckow Tactical Brasil Industria, uma subsidiária da  VSK Tactical, com sede em Miami, nos Estados Unidos, que é responsável por desenvolver e fornecer novas soluções e tecnologias para os setores de defesa e segurança. A comitiva foi conhecer as instalações da Nuclep, que desenvolve projetos estratégicos militares, como o Prosub, assim como a construção de equipamentos para a indústria nuclear e energia. O grupo era liderado por  Marcellus Ferreira, CEO da empresa no Brasil e sua sócia, Juliana Lacerda. Eles apresentaram à NUCLEP a “VSK Protector Plus”, uma tecnologia inédita no Brasil capaz de oferecer proteção contra explosões, cortes por uso de ferramentas abrasivas e fogo, e assistiram a uma apresentação da diretoria Industrial da empresa. Desse encontro podem surgir vários negócios, já que a VSK não tem base de construção no Rio de Janeiro e atende ao BOPE, a CORE, a Polícia Federal, a Marinha e ao Exército. Pela NUCLEP, estiveram presentes m o  presidente, Almirante Carlos Henrique Silva Seixas, e os diretores administrativos diretores Administrativo, Almirante Oscar Moreira da Silva Filho, Comercial, Nicola Mirto, e Industrial, Affonso Alves.  A NUCLEP tem sido procurada por diferentes segmentos da indústria, mesmo no período da pandemia,  para iniciar conversações. O Almirante Carlos Seixas disse que “Visitas, como a da VLK ratificam a relevância da capacidade e experiência da NUCLEP para o desenvolvimento desse mercado. Somos referência às empresas que buscam parcerias na área.” O CEO da VSK  Marcellus Ferreira,…
A NUCLEP, representada pelos seus diretores Administrativo, C.Alte (RM-1) Oscar Moreira da Silva Filho, Comercial, Nicola Mirto, e Industrial, CMG (EN) Affonso Alves, recebeu nessa terça-feira (6), a visita de uma comitiva da Von Suckow Tactical Brasil Industria S.A. - VSK Tactical, empresa responsável por desenvolver e fornecer novas soluções e tecnologias para os setores de defesa e segurança. A comitiva, formada pelos CEO, Marcellus Ferreira, e sócia, Juliana Lacerda, apresentou à NUCLEP a “VSK Protector Plus”, uma tecnologia inédita no Brasil capaz de oferecer proteção contra explosões, cortes por uso de ferramentas abrasivas e fogo, assistiu uma apresentação da diretoria Industrial da empresa e na sequência, seguiu para conhecer as dependências do piso fabril. O presidente da NUCLEP, C.Alte (RM1) Carlos Henrique Silva Seixas, afirmou que visitas como a da VLK ratificam a relevância da capacidade e experiência da NUCLEP para o desenvolvimento desse mercado. “Somos referência às empresas que buscam parcerias na área”, disse. “A visita mal começou e já identificamos vários pontos compatíveis aos nossos interesses. A empresa tem capacidade de fabricação e um alto nível de engenharia”, comentou o CEO da VSK, Marcellus Ferreira. Segundo o diretor Administrativo, C.Alte (RM1) Oscar Moreira da Silva Filho, a NUCLEP tem sido procurada por diferentes segmentos da indústria mesmo no período da pandemia. “Somos essenciais mas definitivamente, diferenciados. A nossa mão de obra qualificada e expertise tecnológica aliadas à capacidade fabril e qualidade corroboram nossa importância na contribuição à qualquer grande projeto. Temos relevância significativa para o desenvolvimento industrial…
A NUCLEP recebeu nessa terça-feira (23), autoridades do Programa de Desenvolvimento de Submarinos da Marinha (PROSUB), que estiveram de perto, no piso fabril da empresa, acompanhando a obra para AMAZUL - Amazônia Azul Tecnologias de Defesa S.A., de fabricação do chamado Bloco 40, parte do protótipo do reator nuclear que está sendo desenvolvido no Centro Tecnológico da Marinha em São Paulo (CTMSP). Com capacidade e experiência reconhecidas pela Marinha, a NUCLEP está em processo de fabricação, montagem e fornecimento do vaso (cilindro) e estruturas internas de contenção, além do tanque de blindagem primária do chamado LABGENE – Laboratório de Geração de Energia Nucleoelétrica, concebido como um protótipo, em terra e em escala real, dos sistemas de propulsão que serão instalados no SN-BR. Parte essencial do Programa Nuclear da Marinha, o LABGENE tem como função permitir a simulação, em condições ótimas de segurança, da operação do reator e dos diversos sistemas eletrônicos a ele integrados, antes de sua instalação no submarino com propulsão nuclear. Formavam a comitiva, o diretor do Centro Tecnológico da Marinha de São Paulo (CTMSP), V.Alte Noriaki Wada, o Diretor de Desenvolvimento Nuclear da Marinha, V.Alte (EN) Guilherme Dionizio Alves, o Coordenador-Geral do Programa de Desenvolvimento de Submarino com Propulsão Nuclear, V.Alte (RM1/ EN) Sydney dos Santos Neves, o Diretor do Centro de Desenvolvimento de Submarinos, C.Alte Flávio Antoun Netto, o Gerente do Empreendimento Modular de Obtenção de Submarinos, C.Alte Celso Mizutani Koga, e o Gerente do Empreendimento Modular de Obtenção da Infraestrutura Industrial Naval de Itaguaí, C.…
NUCLEP avança na produção da Torre Regeneradora de DEA para a Petrobras   A NUCLEP iniciou na última semana a soldagem da Torre Regeneradora de DEA (Dietanolamina) para a Refinaria Gabriel Passos (REGAP), equipamento estratégico para a Petrobras, em Betim, Minas Gerais.   “Apesar do cenário de restrições e desafios impostos pela pandemia do novo Coronavírus, a NUCLEP vem implementando soluções técnicas e administrativas que nos impulsionam ao cumprimento deste importante compromisso junto à PETROBRAS, na continuidade das soldas e fabricação da Torre Regeneradora de DEA”, afirmou Gerente Geral de Projetos – IG, Evandro Monteiro.   A entrega do equipamento, prevista para os próximos meses, fortalece a importância da NUCLEP para o setor nacional de Óleo e Gás, e acontece em momento importante, visto que a projeção do Ministério de Minas e Energia, é de que o Brasil esteja entre os cinco maiores produtores de Petróleo e Gás do mundo até o ano de 2030.  
Uma das frentes principais de formação do Cluster Tecnológico Naval de Defesa, a NUCLEP, na figura do seu presidente, Contra-Almirante (RM-1) Carlos Henrique Silva Seixas, assinou hoje, durante hoje durante o 1º Seminário Internacional sobre Economia do Mar como Política de Desenvolvimento, a Carta de Intenções que formaliza a iniciativa e consenso entre as empresas que formam a Associação do Cluster Tecnológico Naval de Defesa (CTND) e as Secretarias de Fazenda de Niterói; de Estado de Desenvolvimento Econômico; de Estado Energia e Relações Internacionais; e de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação, entre outras, de atuarem em consenso pelo desenvolvimento das atividades correlatas que visam o aproveitamento das potencialidades do mar e região costeira, de forma ordenada e sustentável, sempre em benefício da coletividade, buscando o desenvolvimento socieconômico, urbano e ambiental da Baía de Guanabara.
Junto às instituições nucleares mais importantes do setor nacional, a NUCLEP marcou presença na última sexta-feira (22/11), na cerimônia de entrega pela Associação Brasileira para Desenvolvimento de Atividades Nucleares Brasileira (ABDAN), do Prêmio de Reconhecimento Nuclear 2019.  
Página 1 de 3